set12

Influenciadores: Relevância e Posicionamento

Cristina Panella Newsletters

Como lidar com o ambiente externo – sobre o qual a organização tem pouca governabilidade – e onde fluem as opiniões?

Mais uma vez, a Pesquisa oferece recursos extremamente adequados à necessidade.

A palavra-chave é mapear. Somente um mapeamento claro permite desenhar estratégias específicas para os diferentes grupos de influenciadores, aprimorar o material informativo e desenvolver ações de relacionamento com o intuito de avançar com o posicionamento da organização, reavaliando, também, os pontos em que será preciso desenvolver novas estratégias.

A elaboração de um Mapa de Influenciadores tem por função identificar tanto possíveis aliados como críticos ao tema em estudo. Simultaneamente, deve enumerar os argumentos mobilizados por eles, indicando aqueles argumentos que têm potencial para ser mobilizados em uma argumentação favorável ou contrária à tese defendida pela empresa.

O Mapa de Influenciadores responde, assim, à questão: quem são os líderes de opinião com os quais é importante desenvolver ações de relacionamento e aprofundar o debate público?

Há várias categorias de Influenciadores. Entre elas, encontram-se Especialistas, Gestores, Pensadores, Líderes de Opinião (fontes frequentes da mídia), Entidades de relevância para o tema em estudo, entre outros.

O levantamento realizado, apoiado em técnicas qualitativas de pesquisa mas também usando recursos de data mining, exige grande empenho dos pesquisadores que deverão analisar minuciosamente publicações, entrevistas , sites de associações, redes sociais e outros a fim de identificar os influenciadores.

Identificar, qualificar e posicionar os Influenciadores das temáticas que envolvem os temas de interesse e área de atuação do cliente, mapeando os principais atores e coletando os argumentos favoráveis ou desfavoráveis à marca, serviço ou produto.

O trabalho inicia-se com um desk research que deverá ser acompanhado de entrevistas sobre o tema objeto deste estudo, considerando, no mínimo, os últimos 24 meses de matérias e artigos em publicações impressas.

Simultaneamente, o monitoramento das redes sociais e blogs deve ser realizado em real time. Nas redes sociais, influenciadores são agentes (indivíduos, grupos ou instituições) que trabalham a favor ou contra a marca ou tese defendida pela empresa. A elaboração de uma estratégia para esse segmento supõe identificar, de forma inteligente e segura, deixando de lado o simples critério da popularidade ou audiência, os Influenciadores e seu alcance, aferindo sua relevância, abrangência e capacidade de influência (identificando, também, como e com quem se relacionam nas redes).

Também as técnicas da análise de discurso são poderosas para desvendar a construção da argumentação. Utilizadas sobre amostras selecionadas de textos no formato impresso mas também da mídia social, permite construir categorias mais elaboradas do que a simples aprovação/reprovação, colocando luz sobre algumas variáveis que influenciarão o tipo de avaliação do tema.


 

aplicHABILIDADE
O MRPI – Matriz de Relevância e Posicionamento de Influenciadores – é uma técnica desenvolvida pela Cristina Panella Planejamento e Pesquisa cuja abordagem contribui decisivamente para um maior entendimento dos resultados obtidos nas diferentes pesquisas, permitindo, ainda, ter objetivos compartilhados com outros departamentos da empresa.

FALE CONOSCO!

Breve apresentação da Cristina Panella Planejamento e Pesquisa. Venha tomar um café para conversarmos sobre suas necessidades.

Para conhecer o escritório do Grupo Attitude e a Galeria de Arte Urbana (25 grafiteiros), faça uma visita virtual!