CPPP_img_artigo_jul13

Inteligência de Mercado e de Comunicação: dos dados à análise

Cristina Panella Newsletters

Dados demais, análise e síntese de menos

Essa é uma constatação recorrente entre executivos que, para garantir o foco no negócio precisam apoiar-se em cenários confiáveis para a tomada de decisão.

Quando uma decisão precisa ser tomada, executivos buscam uma série de dados, informações e/ou relatórios, reais subsídios para a tomada de decisão. Processo relativamente simples, caso a empresa ou a agência contem com uma área específica de Inteligência Competitiva, dedicada ao monitoramento contínuo do cenário concorrencial e influenciadores.

No entanto, as análises acabam sendo produzidas sob demanda e, consequentemente, realizadas em prazos apertados que acabam afetando a qualidade da análise e tornando impossível levar em conta o histórico da questão.

Sobram números e informações, faltam análises.

Todo colaborador é um agente de informação

Poucas grandes empresas admitem o valor de uma área dedicada à Inteligência Competitiva. Para as médias e pequenas, o custo de uma área específica acaba sendo um fator impeditivo. No entanto, mais do que a questão “custo”, trata-se de uma questão de “cultura”: essas empresas podem praticar um gerenciamento de equipe que distribua parte das tarefas entre colaboradores. Para isso, é necessário um treinamento específico.

A disseminação da cultura de análise contribuiria para a formação dos times que hoje contam com dados demais mas, na falta da habilidade analítica, acabam não conseguindo definir o que é pertinente, o que não é, o que é confiável, o que merece ser checado. Os colaboradores acabam decidindo a partir de “achismos”, critério extremamente perigoso quando se tem em mente que estamos prestando um serviço a empresas.

Vantagens de um parceiro em Inteligência Competitiva: investir no monitoramento e análise

Gasta-se muito tempo para coletar informações em fontes dispersas. Por outro lado, se estiverem mapeadas e continuamente armazenadas e organizadas, seria possível dedicar o tempo necessário à análise.

Para isso, é necessário contar com um serviço um processo sistemático de coleta, organização e análise de informações, com metodologia sólida e profissionais treinados. Tal processo deverá ser desenhado com sua empresa e poderá conter:

a) o monitoramento diário de mídias tradicionais e sociais, bem como de outros meios (como a publicidade, por exemplo);
b) o monitoramento da concorrência – marcas e produtos;
c) o mapeamento dos influenciadores e monitoramento das opiniões;
d) o monitoramento do setor econômico no qual a empresa está inserida;
e) outros

O processo obedece a um desenho em forma de funil: A equipe responsável deverá trabalhar de forma sistemática, com estratégica desenhada sobre o resultado esperado.

Assim fazendo, a equipe de Inteligência Competitiva será seu efetivo apoio para a tomada de decisão, reconstruindo o puzzle das informações hoje disponíveis.

aplicHABILIDADE

 

Observatório do Conhecimento 3D!

Conte conosco para desenvolver um projeto de Inteligência Competitiva com monitoramento, pesquisas personalizadas e métricas adequadas à sua empresa, subsidiar seu planejamento e tomada de decisão.

Breve apresentação da Cristina Panella Planejamento e Pesquisa. Venha tomar um café para conversarmos sobre suas necessidades.

Para conhecer o escritório do Grupo Attitude e a Galeria de Arte Urbana (25 grafiteiros), faça uma visita virtual!